Tó confusa , mas voltei



Eu nem sei por onde começar , a vida tem sido tão diferente , nos últimos dois meses eu 
sinto como se tudo o que eu sempre vivi tivesse se apagado ,  parece que a minha bolha do que eu achava ser o mundo real acabou de ser estourada e agora eu vivo o mundo ”real” ou quase isso . Não tem mais ninguem passando a mão na minha cabeça e me passando a certeza de que tudo vai ficar bem no final , sou só eu . Eu e as minhas confusões , e e as minhas notas eu e os meus medos . Eu estou em uma sala com trinta e quatro pessoas e mesmo assim as vezes me sinto sozinha , alguns dias são mais dificeis  do que outros .Tiveram horas que eu só queria  voltar pra casa deitar e chorar , chorar e me lamentar sobre como as coisas sempre mudam  e as novas adaptações que elas me levam . Pra ser sincera eu fiz isso muitas vezes. Eu chorei pra me libertar daquilo que segurei o dia todo. 

Eu deveria ter escrito antes , mas estava com medo do que eu poderia descobrir a partir do momento que eu começasse , mais pra ser sincera se eu não escrever eu iria pirar literalmente , eu ando meio louca , meio confusa, as vezes ”caduca ” e medrosa. Tenho chorado mais e escrito menos . 

Tenho tido mais medo do que o normal , e incerteza de tudo aquilo que parecia concreto . Então eu simplesmente deu uma pausa nessa nova temporada da minha vida , parei de me angustiar em pensamento e tornei eles reais a partir daqui. Pausei a aquela série que eu costumava amar e decidi rever tudo na sexta ( me fazendo ficar o fim de semana inteiro grudado no netflix ) parei de pensar na prova de Química na qual eu vou me ferrar amanhã e na apresentação de geografia ( odeio, se pudesse jogava a professora e suas escalas de fuso horário pela janela) , pra escrever. Esse não foi um dos meus melhores textos , mas ele com certeza me ajudou.

Anúncios

O que está por vir…/ dois anos de blog!!!!!!




Pânico …é assim que eu e a maioria dos meus amigos estamos nos sentindo, um novo ano começou trazendo junto com as ondas do mar ou no frio de Madri toda aquela ansiedade do que está por vir e consequentemente todo o medo. Em dezembro nos despedimos de amigos, professores e de alguns  antigos amores. Alguns laços continuam e outros pela obra do destino vão se desfazendo aos poucos.

 A chegada de cada dia é um dia menos pra se acobertar nas férias e esquecer de tudo que está por vir . O frio na barriga, os olhares de desconhecidos sobre você , a vontade de sair correndo e voltar pra cama o mais rápido possível . Mas ao mesmo tempo a euforia de vestir uma nova camiseta e novas experiências , novas professores , novos amigos…e quem sabe novos amores  ?
Não,tudo menos novos amores

Bom faz seis anos que eu não sei como é mudar de escola. Mas sei que apesar do medo tudo vai dar certo. Eu comecei esse ano negativa (sinto muito pelo ‘’Desastre de ano novo’’). As coisas não saíram com planejado , verdade. Mas porque algo muito bom está por vir . Esse ano eu quero levar mais a sério a escrita , vou dar mais atenção pro blog, pros meus sonhos e quem sabe pra novas realizações ?
Um feliz ano novo meio atrasado, mas se levar em conta que há um mês atrás era 2015 é plausível vai!
Obrigada por lerem
Vejo vocês por ai
Beijo! Beijo


Playlist- pra animar a vida !!!!!!!!

Hey everybody , voltei!
 Eu sei que nesse ano não postei tanto no blog , mas é que as coisas em 2015 não foram nada fáceis , meu último ano na minha escola que estudei desde dos nove anos ( e sai agora com catorze ), toda a ansiedade e o medo do que estava por vir , notas , meus cursos extras , meus amigos , familia , problemas comigo mesma , e muito , mais muito estresse .

E se tem uma coisa que me faz ficar sã nessa rotina maluca chamada vida é ouvir música . Colocar meus fones no último volume e sair dançando pela casa esquecendo de tudo e todos . Por isso neste post vou compartilhar com vocês algumas músicas que eu ando curtindo no momento . Que é uma boa pra dar um up na vida e curtir muito as férias , porque dezembro pode até estar acabando mas tem muito de janeiro pra aproveitar . Let’s go !

Cake by the Ocean – DNCE 


Eu sempre fui platonicamente apaixonada pelo Joe Jonas , e quando soube que ele voltaria ao mundo da música com uma banda, pirei…. vocês precisam conhecer ( se é que já não conhecem )

Sammy Adams- Only one 


Conheci essa música por um video de um canal gringo que eu acompanho , e só posso dizer que além de muito bonitinho , o Sammy arrasa! ( e anima muito)

Love  myself – Hailee Stenfield 


 Bom essa música tem um tema muito legal , que eu adoro falar sobre , principalmente por saber exatamente como é ter dificuldades de se amar ! Além da Hailee arrasar ( e ter tido um destaque muito legal no filme A escolha perfeita 2) . O clipe é muito legal  e o ritmo contagiante .


Camiseta – Manu Gavassi

Eu admito! Essa música me viciou de uma maneira…. que eu ouvi ela  uns três dias seguidos. Eu gosto muito da Manu e ela tá em uma vibe muito divertida e um som mais pop ( e aquelas indiretas bem diretas pro boy) adoro!


Mc Biel – Química



Tá…eu não sou muito fã de funk ( nada contra , mas não muito meu estilo musical ). Mas eu curto esse funks mais ”pop” tipo esse do Biel. Que temos de admitir que o cara é bem interessante vai ?

E essa foi a playlist ! Fazia um tempinho que eu não mostrava um pouco das músicas que eu andava curtindo ( tem várias mas deixa pra próxima ).
Mas e vocês? O que acharam das músicas ? Ah e conta aqui eme baixo as músicas que você anda curtindo!

Beijo! Beijo!
  até mais ❤

Facebook- você

Eu não sou muito de entrar no facebook , por algum motivo que eu realmente não sei porquê. Acho que não me interesso muito em ver as mesmas pessoas postando as mesmas zilhões de fotos iguais todos os dias . Mas admito que acho engraçado a forma como essa rede social circula por aí . Acho que as histórias do facebook poderiam  facilmente ter um destaque no horário nobre na televisão , porque tudo acontece lá e é um drama só . Fins de namoros, fins de amizades , indiretas , uma nova peça de roupa , um novo namorado , aquela selfie perfeita , aquele dia ruim , aquele dia maravilho , um encontro com alguém especial . Uma nova vibe , mais amor por favor , feminismo , causas polemicas , haters, mais drama. É tudo tão complicado as vezes , o facebook ao meu ver é uma pagina da vida virtual onde compartilhamos todos aqueles momentos inesqueciveis e fazemos tudo aquilo que não teriamos coragem de fazer off line .
 As vezes eu fico pensando em como seria vida de algumas pessoas , sem o facebook, instagram , snapchat e todas essas coisas que ser integrado na ”geração y” de tras . Ao mesmo tempo em que tudo isso pode ser muito mágico é meio avassalador e assusta . Detesto essas pessoas que se ”fortalecem ” atraves de uma simples tela e saem por ai sem travas nas mão dizendo absurdos sobre a vida alheia . Mas antes de mais nada , quero dizer que não sou contra a tecnologia , muito pelo contrário , uso e muito desse recurso só não sou a favor dos sem noções soltos a vida afora . Hoje depois de semanas entrei no facebook , e me deparei com bem…. a vida . A Bia se formou no Ensino médio , minha mãe atualizou sua foto de perfil , a Carol tá ansiosa pra festa dela , o Gustavo voltou com a namorada, a Lu adotou um cachorrinho e teve churrasco na casa do Claúdio 
O Guilherme pintou o cabelo de azul …e você ? Bem de você eu não fiquei sabendo de mais nada, parei de me agoniar vendo sua vida em uma simples página off line da vida real , não sei o que você anda passando , não sei mais nada sobre você , eu sei, eu que terminei tudo . A culpa foi minha de ter acabado algo que mal tinha começado . Mas você também podia ter feito algo. Mas a verdade é que nunca saberemos o que poderia ter acontecido se algum de nós tivessemos dado o braço a torcer , te encontrar on line na vida real é muito mais dificil do que ver fotos suas of line da minha vida . Tudo isso porque não posso te excluir , mas posso conviver com isso . Porque esse é o bom da vida , você supera e segue em frente , sem precisar atualizar o feed. Sem precisar postar que tá bem , você só fica , com o tempo , o universo , a rotação da terra , seus amigos e Coldplay na madrugada.

Palavras – Voltei-

Eu tenho um sério problema em relação a palavras. Eu gosto muito de palavras , gosto mesmo de palavras . Falar foi uma das primeiras coisas que eu fiz quando era um  bebê , na verdade de acordo com a minha mãe eu falei antes de andar, ela disse que desde cedo eu tinha uma certa necessidade de me comunicar com tudo e todos a minha volta . Mesmo que em míseras palavras ditas de maneiras irrevogavelmente erradas . Nesses últimos dias eu tenho vivenciado muitas coisas, não foi uma semana exatamente fácil , tive que dizer adeus a minha escola , a minha peça da qual não pude participar nem se quer assistir. Nos últimos tempos eu tive que lidar com o peso de algumas decisões tomadas por mim em momentos de pura incerteza . Mas no meio disso uma boa parte dos meus problemas se dissiparam durante uma viajem bem contraditória com alguns amigos e outros nem tão amigos assim , mas que surpreendentemente viraram . E aí é que entram as palavras de novo, muitas vezes na vida nos deixamos levar pelo o que as pessoas dizem , nós simplesmente nos apegamos algum argumento dado e por pura comodidade nos juntamos a ele sem ao menos tentar conhecer antes de dizer  algo para poder saber  daquilo que  está muito além de você.  Ao mesmo tempo em que palavras podem machucar , elas podem curar e acalmar um  coração, só depende como você as diz. E de como as leva para a vida.

Eu decidi tomar mais cuidados em relação a algumas palavras, vou ouvir todas , mas só guardar algumas. E também não vou dizer todas elas, por mais que meu organismo anseie por elas. Nem todas as palavras são necessárias. Mas sabe qual é o meu maior problema em relação a palavras? Nem sempre consigo dizer as que eu preciso no momento certo, fico me perguntado como seria se tivesse falado diferentes palavras  em certos momentos e descartado outras. Mas tudo acontece por um motivo , as coisas colaboram pro seu bem , basta ver de diferentes ângulos. Ah só mais uma coisa sobre palavras. elas podem enganar , então por via das dúvidas conheça antes de dizer alguma que se  arrependa . Porque as palavras não erram e sim as pessoas.

Vestidos camiseta

Hey everybody 

 voltei! Sim eu sumi novamente , mas o motivo é que eu ando muito cansada  , cansada da escola (principalmente) , cansada das pessoas da escola, do meu inglês de verdade eu tó cansada de tudo . Mas eu amo escrever principalmente aqui no blog. Então já que faz tempo que eu não posto aqui e também já faz tempo que não temos nada relacionado a moda o post de hoje é dois em um se é que isso se atribui nesse caso , mas abafa . Não sei se vocês estão sabendo mas os vestidos camisetas estão fazendo o maior sucesso principalmente os listrados  então hoje eu os trago bem aqui ! Bom se você está meio perdida  (o) ai os vestidos camisetas como o próprio nome já diz são tipo ” camisetas” só que grandes . Bora conferir ?




.

O legal dos vestidos camisetas é se jogar nos acessórios usando desde de uma camiseta xadrez á um chapéu e várias pulseiras . O lance é você adaptar ao seu gosto!
Eai curte os vestidos camiseta ?
Hot or not ?
Conta ai

Beijo! beijo

Assistam : My Mad Fat Diary

Quem me conhece bem , sabe como eu sou apaixonada por séries/filmes/livros românticos e que sou dessas que suspira e fica cheia de ” Ownts” a cada declaração do casal principal (mas já deixo claro que não curto aqueles casais grudentos cheios de ”mimimi”) . Eu descobri  essa série através do youtube e foi justamente uma cena que virou uma das minhas favoritas.  Pra ser sincera é difícil escolher o que mais gostei nessa série, porque foram um conjunto de coisas sabe? A trilha sonora incrivél , os personagens apaixonantes , as cenas engraçadas ou o fato de ter conseguido me identificar tanto com a Rae ( personagem principal) acho que nunca ri e me emocionei tanto com uma série quanto com MMFD. 


Baseada na série de livros de Rae Earl , a história se passa em  1990 . E conta sobre a vida de Rae uma adolescente de dezesseis anos acima do peso que acabou de sair de um hospital psiquiatrico por ter disturbios e acabar descontando em si mesma.  Quando Rae volta para casa reencontra sua melhor amiga Chloe que pensa que ela estava na França . Rae acaba se enturmando com os novos amigos de Chloe e juntos eles prometem te fazer rir e se emocionar mostrando tudo o que acontece com típicos adolescentes , romances , amizades , brigas, traições , a primeira vez e problemas familiares,   com muito bom humor e uma ótima trilha sonora.  Quando terminei de assistir senti até uma vazio sabe? De tanto amor que desencadeei pela trama. Acho que todo mundo deveria assistir , porque no fundo acho que todos nós queremos o mesmo que Rae se apaixonar intensamente  , viver a vida com muita felicidade se ser aceito. Mas depois de assistir você percebe junto com a Rae que seus defeitos fazem parte de quem você é e isso que te torna único e incrivél .  E que até mesmo o ” cara dos seus sonhos” erra e que essa coisa de ser aceito é uma tremenda bobagem . E que as vezes temos que deixar de esperar que as pessoas façam por você aquilo que só se descobre sozinho e errando muito ( porque sim errar é normal e necessário )  .  E que apesar de tudo ser você é e sempre vai ser a melhor escolha . 
  Obrigada  The gang , e Rae e Finn  jamais irei esquecer ❤

Universo, fé , coisas erradas




Eu não tenho certeza se deveria começar a escrever, mas essa realmente é  a melhor forma de conseguir me sentir melhor . Acho que desde sempre eu soube que a vida não era mesmo uma fabrica de desejos e que nem tudo o que eu quisesse iria acontecer como eu planejava . Acho que o meu grande erro é sempre esperar e idealizar que tudo será perfeito ao invés de simplesmente deixar acontecer , nos filmes sempre que alguma coisa muito ruim acontece outra boa vem logo depois e o mesmo acontece se alguma coisa muito boa acontece outra ruim acaba vindo pra mostrar que a realidade não é tão fácil como esperamos que ela seja .Não sei porque ainda acho que certas coisas vão acontecer, quando elas certamente não vão , acho que é algum tipo de ilusão que minha conciencia reproduz pra tentar me deixar melhor. Eu odeio ter que saber que a verdade é que os problemas sempre voltam, eles desaparecem mais voltam. odeio saber que aquilo que eu sentia por ele simplesmente sumiu, odeio saber que mesmo que eu queira pensar que sou a pessoa mais azarada do mundo e que nada nunca dá certo e que eu deveria culpar á Deus e o mundo, não posso. Porque não é assim que as coisas funcionam, tem pessoas que passam por coisas muito piores do que eu , não é certo menosprezar uma dor porque ela continua doendo , querendo ou não dói , uma luta é sempre uma luta. Por mais que dure  cinco segundos serão os piores e mais cansativos cinco segundos . Não posso parar o tempo porque o mundo não gira ao meu redor, sou só uma garota em meio a milhares . Sempre achamos de alguma forma que o universo gira a nossa volta, mas não gira.  Nós somos como a terra que gira em torno do sol , assim como giramos em torno da lua e assim fazemos parte de todo o alinhamento espacial .  Não posso culpar o universo , porque ele não é maldoso, muito pelo contrário de uma forma não tão direta e quase imperceptível o universo cuida de seus filhos . Você sempre terá alguém , esse alguém faz parte do o universo , do seu universo . Os erros não podem ser apagados , mas reparados mesmo que demore, a vida repara , o tempo passa e remedia , dói mas passa. As vezes você só precisa deixar na mão do acaso . E aceitar a vida , o universo, as pessoas, a realidade e tudo que estiver envolvido como realmente é. A esperança existe ! Só tenho que acreditar em Deus ( se você não acredita , tudo bem , só pense positivo e coloque sua crença onde você tem fé). Já diria aquela ,música pra quem tem fé a vida continua 

Aceite ! Ser diferente não é ser ruim , antes de mudar o mundo mude você , o interior depois o exterior .


Eu nunca me pronunciei sobre esse assunto , pelo menos acho que não de uma maneira tão explicita . Mas então eu me perguntei por que ? Por que eu nunca falei sobre isso? Por que eu nunca me interessei por isso? Por que era tão dificil aceitar quem eu era ou porquê eu era ? Mas então depois de uma aula hoje na escola e algumas pesquisas fui entendendo   melhor . Só consigo me perguntar como é que existem pessoas que tem a capacidade mental de pensar e escrever comentários tão racistas e preconceituosos que admito até ter ficado sem reação . Eu juro que se um dia eu encontrar alguém assim (coisa que eu espero nunca acontecer ) vou falar muitas e boas pra esse ser .  Como é que alguém pode pensar  que é melhor do que outro alguém pela cor da pele , dinheiro , casa ou qualquer outro  bem material? Como será que essas pessoas conseguem colocar a cabeça no travesseiro e dormir com tantos pensamentos e ideologias preconceituosas rondando ?.  Pra ser sincera eu não sei , e fico feliz de não fazer parte dessa camada tão decadente em cabeça e coração . Acho que eu perdi tempo demais tentando ser algo, melhor alguém que não tinha nada em comum comigo . Eu queria ter o cabelo liso , igual aqueles do comercial da Pantene , eu queria ficar corada no verão e ter um corpo ” perfeito”, eu queria parecer com algumas daquelas meninas das revistas , sites e feeds do instagram , porque eu achava que assim eu seria feliz . E pra ser sincera , eu não podia estar mais enganada , eu sou negra , não tenho a raiz lisa, e nem o corpo ”perfeito”, e não tenho nada de semelhante com a Kendall Jenner , ou Taylor Swift ou qualquer famosa que eu gosto. Também não pareço com nenhuma das minhas amigas da escola . E sabe…isso não é ruim , muito pelo contrário . Eu pareço muito com a minha mãe , e um pouco com meu pai , e sabe…minha mãe é linda! Meu pai também . Minha familia inteira é linda , todos eles  cada um com sua cor, seu jeitinho , defeitos , e qualidades e manias. Assim como você, você também é linda (o) e única (o) . Minha vó materna é branca e meu vó era negro e eles se apaixonaram e tiveram todos os meus tios e a minha mãe!  Então eu te pergunto  Por que ? Por que você não pode gostar , amar ou pelo menos respeitas as diferenças? Por que  o fato de a cor da pele de alguém ser diferente da sua vira um Tabu ? Por que ser diferente tem que ser ruim? Posso responder isso?.  Ser diferente não é ser ruim, ser diferente é normal e único  , você deve pelo menos respeitar independente se for azul, branco, preto ou amarelo, gay, hétero ou qualquer coisa do gênero . Porque TODOS e eu disse TODOS nós somos iguais independente da cor da pele, religião , sexualidade ou qualquer tipo de divirgência .  Seja você! É só isso que eu te peço não se baseie em algo ou alguém , simplesmente seja a pessoa que você sempre quis ser, isso claro respeitando á todos . Espalhe o amor , porque de ódio gratuido o mundo já está cheio . ❤

Red Band Society- Msonhos

Hoje de uma forma muito boa , as coisas tem acontecido de uma maneira nostálgica na minha vida. Nos últimos dias eu tenho pensado sobre alguns acontecimentos do ano passado e que de uma forma meio confusa ,dramática , engraçada e estranha eu tenho uma vida boa pra viver. É estranho saber que viver é algo que todos temos que fazer de alguma forma, mas sem saber ”como” em algumas vezes(ou em grande parte delas). Mas acho que a vida é assim sabe? Viver sem saber como, onde ou porquê . Hoje eu terminei a primeira e última temporada de Red band society e por coincidência foi o último capitulo de Malhação. É engraçado. mas toda vez que algum,livro,filme ou série acaba fico com essa coisinha dentro de mim, em um misto de alegria e tristeza. E o mais engraçado é que isso acontece na vida também , quando você se lembra de algum momento muito bom e que gostaria de dar o replay e reviver tudo aquilo de novo sabe? Tipo aquele filme com o Adam Sendler ” Click”. O típico filme de sessão da tarde que todo mundo já viu, e que nos ensina uma grande lição. Ter pressa e querer adiantar tudo na vida, pode significar perder momentos significativamente importantes,por menor que sejam, e voltar..,se estagnar mesmo que tenha sido bom, passou. E outras coisas estão por vir .


Essa série foi realmente um grande aprendizado pra mim, além de uma trilha sonora perfeita e frases inspiradoras . Ela mostra em meio a dramas, dores,perdas,ganhos. amizades ,romances e desilusões ,que sempre e eu disse sempre  se tem um motivo pra continuar vivendo.  Acho que todo mundo deveria assistir , talvez de primeira você não se identifique com os personagens, mas tenho certeza que se você observar e prestar atenção você terá mais do que pensa. As vezes nos ficamos tão dentro da nossa bolha que é impossivel ver com clareza o que acontece em nossa volta , então só precisamos parar, e observar o que é realmente importante.

Estranho como as pessoas se apegam a coisas sem importância, até que algo de importante, de fato, aconteça.

Red Band Society

We are all red band society ❤